terça-feira, 20 de junho de 2017

Escrever as palavras*


Escrever é gravar
As palavras para sempre.
Falar é jogá-las
Ao vento.
Sentado no chão
Colhi as ervas
Para a minha cura.
Ajoelhado, rezando
Apanhei as flores
À tua procura.
Deitado, sonhando
Sobre o nosso leito
Inventei você mil vezes.
Escrevendo
Eternizei você
Para todo o sempre.

*José Mayer
Filósofo. Livreiro. Poeta. Especialista em Filosofia Clínica.
Porto Alegre/RS

Nenhum comentário:

Postar um comentário